BRUNO FERRUCIO

Natural de Feira de Santana BA, Bruno Ferrucio é artista visual e arquiteto. Sua produção artística percorre caminhos ligados às suas raízes, através de um diálogo entre a natureza e o ser humano. Bruno mergulha nos elementos da natureza para compor a sua arte, e leva o observador a transitar entre o real e o abstrato. Para ele a fotografia é “um reflexo de sua vida, uma forma de comunicação genuína entre seu eu interior e o mundo”.
Prêmio da curadoria GoetheInstitut, “A Festa e interrupções da vida diária”, Salvador-BA. Exposições coletivas: Agosto das Artes- Palacete das Artes , Salvador-BA 2019 Salvador, do Povo, de Lina e
de Todos os Santos- Museu de Arte Moderna da Bahia-MAM, Salvador-BA 2020 Cores, Amores, Recantos… Bahia- Museu de Arte
Moderna da Bahia – MAM, Salvador-BA 2020.

Me expressar através das lentes mudou definitivamente a forma de enxergar o mundo. “Olho de fora para dentro de mim e fico rindo sozinho de mim mesmo como sou complexo. 

Somos educados a nos definir como x, y ou z a todo o momento, mas nem todo mundo segue esse fluxo, nem todo mundo cabe dentro de uma caixa, tenho entendido que eu sou uma dessas pessoas, desconstruir isso é desgastante e ao mesmo tempo libertador. Isso reflete positivamente na fotografia, meu gosto segue como a lua, fases…

Ora estou buscando uma linguagem minimalista, ora me deparo com a complexidade de movimentos, cores e texturas, ora desejo uma luz mais suave que acalma , ora uma luz mais dramática. Vai muito do que eu estou sentindo no momento.
Hoje tenho me conectado fotografando o homem de forma cada vez mais intimista, é emocionante. A natureza é perfeita, contemplativa, nos abraça, nos cura, o homem a violenta e ela manda um vírus para equilibrar o sistema, como se dissesse, abaixe a bola meu filho, quem manda aqui sou eu, respire fundo vá repensar suas atitudes rs. Cada cabeça é um mundo a ser explorado e isso é mágico.”

Obras

Escolha com qual departamento deseja falar:
Rolar para cima